Taxas nominais

A taxa nominal é quando o período de formação e incorporação dos juros ao capital não coincide com aquele a que a taxa está referida. Por exemplo, podemos ter uma taxa anual, mas com os juros sendo calculados e acrescidos mês a mês. São exemplos de taxas nominais:

- 1150% ao ano com capitalização mensal.
- 340% ao semestre com capitalização mensal.
- 300% ao ano com capitalização trimestral.

Exemplo:

Uma taxa de 15% a.a., com capitalização mensal, terá 16.08% a.a. como taxa efetiva. Acompanhe a explicação:

Como um ano tem 12 meses, a taxa mensal seria a taxa anual dividida por 12:
15/12 = 1,25

Nos 12 meses de capitalização, teríamos:
(1+1,25/100)12 = 1,012512 = 1,1608 = 16.08% a.a.

Próximo: Taxas efetivas
Como referenciar: "Matemática Financeira" em Só Matemática. Virtuous Tecnologia da Informação, 1998-2018. Consultado em 18/10/2018 às 23:39. Disponível na Internet em https://www.somatematica.com.br/emedio/finan6.php