Você está em Entretenimento > Poemas

Mentes tangentes

Circundando palavras não repetidas,
Alfa e Beta tangenciam suas razões
Deveriam ambos em suas vidas
Serem secantes nas opiniões.

Ao passo que surge Gama,
Triangula-se uma nova situação:
A diferença torna-se um drama
E a soma uma grande confusão.

A hipotenusa gerada por eles
Agigantou-se pela distorção
Quem dera Pitágoras e Tales
Uni-los numa mesma razão.

Sérgio Kaisa

<< Anterior
A qualidade num olhar matemático
Próximo >>
O calculista
Como referenciar: "Mentes tangentes" em Só Matemática. Virtuous Tecnologia da Informação, 1998-2018. Consultado em 14/11/2018 às 13:19. Disponível na Internet em https://www.somatematica.com.br/poemas/p103.php